Precisamos de sua ajuda para manter nossas atividades.
Atualmente, além das inúmeras despesas fixas, são também centenas de metas, projetos e desafios a conquistar que dependem de sua colaboração direta. Escolha abaixo como pode nos ajudar:

Ação voluntária

Atue junto aos núcleos, participe de cursos, panfletagens, manifestações e divulgue a doutrina para outras pessoas.
Ação voluntária
OU

Contribuição financeira

Ajude a manter nossos projetos. Para colaborações financeiras, escolha aqui a opção mais adequada a você: boleto ou depósito.
Colabore



O PT e a Revolução dos Porcos

“O mistério do destino do leite em breve se esclareceu. Os porcos misturavam-no todos os dias na sua ração. As maçãs temporãs estavam agora a amadurecer e a erva do pomar encontrava-se juncada de fruta caída das árvores. Os animais partiram do princípio de que esta fruta seria repartida por todos em partes iguais; certo dia, porém surgiu a ordem para que todas as maçãs caídas no chão fossem apanhadas e levadas até à casa dos arreios para consumo dos porcos. Ante isto, alguns dos outros animais resmungaram, mas de nada serviu. Todos os porcos estavam totalmente de acordo quanto a este ponto, até Bola-de-Neve e Napoleão, e coube a Tagarela dar aos outros as indispensáveis explicações.

(...) – Camaradas! - exclamou – Não imaginam, certamente, que nós, os porcos, tomámos esta decisão movidos pelo egoísmo, para usufruirmos de privilégios especiais, pois não? Muitos de nós, se querem que vos diga, até nem gostam de leite e maçãs (…). O nosso único fito ao consumirmos estes alimentos é mantermo-nos de boa saúde. O leite e as maçãs (a Ciência demonstra-os, camaradas) contêm substâncias absolutamente indispensáveis ao bem-estar de um porco. O trabalho que nós, os porcos, levamos a cabo é intelectual. Toda a administração e organização desta quinta repousam sobre os nosso ombros.”

***

Qual relação da passagem da fábula de George Orwell [1] com o fato de que o PT foi um dos partidos que votou a favor do aumento do salário dos parlamentares? De início, meu caro leitor, para que fique claro em sua mente a relação é preciso ter em mente que, quando indagados das incoerências do PT, os militantes deste partido costumam justificar afirmando que devido ao “grande serviço prestado pelo PT à nação brasileira”, nada mais natural que a atual presidente, Dilma Roussef e tantos outros que fizeram este “país crescer” “ganhem bem”. É algo que você, caro leitor, poderia pergunta desde a militante petista atendente da padaria da esquina até o dono do restaurante que você frequenta no almoço. Ai de você se discordar…

Por que isto ocorre? Porque trata-se de uma relação de poder, de manipulação do povo. Isto não é algo novo, não sou o primeiro que afirma. Tal como no “Triunfo dos Porcos” de George Orwell – em Portugal sob o título a “Quinta dos animais” (esta tradução portuguesa se dá devido ao título original “Animal Farm”).

Consideremos uma hipótese. Um hipotético astronauta brasileiro antes de uma hipotética viagem ao espaço vivesse boa parte de sua vida neste país antes da ascensão do PT e que um dia, após vários anos no espaço, estando praticamente sem informações da política brasileira e de seus 200 milhões de habitantes, regressasse e se deparasse com o PT no poder. De imediato o que constataria o nosso hipotético astronauta? Que já não era mais possível diferenciar PT do PSDB; não era mais possível diferenciar os porcos dos homens, uma vez que se tornaram semelhantes, os hábitos e as atitudes os mesmos (basta vermos as privatizações que a presidente Dilma Roussef já está realizando). Bem que falava o falecido Enéas Carneiro: “é uma falsa briga entre eles!”. Na verdade são todos porcos a fim de privilégios para si mesmos e seu partido. Os objetivos são os mesmos, os fins são os mesmos. Não que este não fosse o objetivo desde o início do PT - um partido que nasceu corrupto -, entretanto, às vezes muitos militantes têm verdadeiros ideais e certa ingenuidade para com determinado movimento ou partido. Isto é algo que a história nos conta, mesmo o autor George Orwell foi militante comunista trotskista e desiludiu-se com o regime soviético.

Esta condição de após a conquista do poder não se poder diferenciar entre porcos e humanos é recorrente. É tal ver o luxo em que vivia o ditador comunista romeno Nicolae Ceauşescu. Era o povo na miséria o ditador na fartura; é algo que não se diferencia do rico Luis Inácio Lula da Silva. É boa parte do povo afundado na pobreza, e o presidente ex operário e sua família na fartura: o porco Lula, o animal mais inteligente da fábula de Orwell entendeu bem o jogo de poder.

Com efeito, qual é a garantia que nós, integralistas, não estaremos fazendo o mesmo jogo de poder. É uma pergunta que um leitor inteligente deve fazer; isto mesmo, deve fazer! A doutrina integralista, esta pautada em ética, esta, vale repetir, tem o homem como fim e não como meio, sendo Deus apenas o único fim superior. Esta ética integralista, porém, não se situa entre nós, ela nos transcende. Deste modo, se há corrupção, deixaremos de ser integralistas, nos igualaremos, com efeito, aos porcos, da fábula de Orwell, ou melhor aos porcos de nossa política.

Por Rafael Sandoval
Coordenador da região Centro Oeste e presidente do núcleo Integralista de Brasília

Nota:
[1] ORWELL, George. A quinta dos animais. Lisboa: Antígona, 2008
 


18/01/2011, 00:14:16



O PT e a Revolução dos Porcos | - Integralismo | Frente Integralista Brasileira ..